Gazeta de Amambaí


Domingo, 05 de Novembro de 2017 às 11:47

PM impede furto e prende autor em Coronel Sapucaia

Também em Coronel Sapucaia, procurado pela Justiça foi preso ao invadir residência

Vilson Nascimento

Policiais lotados no 3º Pelotão de Polícia Militar (3º Pel/PM) impediram um furto à residência e prenderam o autor, fato ocorrido na tarde da sexta-feira, 3 de novembro, em Coronel Sapucaia.

Vanderley Francisco da Silva, de 24 anos, foi preso após invadir uma casa, segundo relatou ele aos policiais, com o objetivo de furtar roupas para vender  para uma loja de roupas usadas da cidade (brechó) e empregar o dinheiro obtido com os produtos de furto para adquirir crack para consumo, já que afirmava ser dependente químico.

O rapaz, que seria residente em Cuiabá e veio para a cidade da fronteira com o Paraguai com o objetivo de levar de ônibus para a capital mato-grossense, teria relatado ainda aos policiais que havia tentado adentrar na casa porque uma mulher, que afirmava já ter praticado furto na referida residência, teria lhe dito que o imóvel estava fechado.

Segundo a Polícia Militar, a casa estava habitada e o morador, um homem de 56 anos, foi quem chamou a polícia ao perceber que o acusado estava tentando entrar na residência, inclusive já teria tirado uma taboa da parede de madeira aos fundos da casa para tentar adentrar na residência.

Cumprimento de mandado

Também na sexta-feira (3) porém pela manhã, policiais lotados no 3ª Pel/PM prenderam em Coronel Sapucaia, um rapaz de 23 anos, morador em Aral Moreira, segundo a polícia, após ele invadir uma residência situada na Vila Industrial.

De acordo com a PM , Jonatan Felipe Ribeiro da Silva, estaria conduzindo um veículo que havia saído do Paraguai e se dirigia em direção a Vila Industrial.

Segundo a PM ao ver que seria abordado pela guarnição o rapaz teria parado o carro, descido correndo e adentrado em uma casa situada no referido bairro.

Segundo a Polícia Militar ao ser questionada a dona do imóvel disse não conhecer Jonatan e ele teria adentrado na casa alegando que iria ao banheiro.

Os policiais realizaram um cerco e detiveram o suspeito já em um cômodo da parte dos fundos do imóvel.

Segundo a polícia ao ser detido o indivíduo teria passado nome falso a guarnição e teria relatado que fugiu porque não tinha habilitação.

Como em checagem ao nome passado por Jonatan os policiais não encontraram nenhum registo nos sistemas de checagem, voltaram a indagar o suspeito, foi então que o rapaz teria dito seu nome verdadeiro e falado que fugiu ao avistar os policiais porque havia mandado de prisão em seu desfavor.

Em nova checagem, desta vez pelo nome correto do acusado, os policiais descobriram que pesava em desfavor de Jonatan Felipe Ribeiro da Silva um mandado de prisão em aberto por tráfico de drogas junto à justiça de Goiânia, estado de Goiás.

Fonte: A Gazeta News

COMPARTILHE

IMPRIMIR

   
  • Mais Notícias
  • Mais Lidas
  • Mais Polícia

Copyright © A Gazeta News.
Todos os Direitos Reservados.
Todas as matérias poderão ser reproduzidas desde que citada a fonte.