28/03/2007 01:51

Amambai:Ladrão é preso ao trocar tiros com a PM

Vilson Nascimento

Um paraguaio de 25 anos foi preso em flagrante após praticar dois assaltos e trocar tiros com a Polícia Militar na noite dessa terça-feira em Amambai.

A primeira ação criminosa do acusado, Tomas Alberto Chaves Ortiz, de naturalidade paraguaia, mas, segundo ele, residente há oito anos em Amambai onde trabalharia como pedreiro, aconteceu por volta das 20h40 dessa terça-feira quando ele, em companhia de outro individuo que está sendo procurado pela polícia, assaltaram uma sorveteria situada na Rua 7 de Setembro no centro da cidade.

Segundo a polícia, Tomas Ortiz teria engatilhado a arma e encostado na altura da costela do proprietário da sorveteria, posteriormente teria fugido do local levando apenas R$ 9,00 em dinheiro.

Outro Assalto- O outro assalto praticado por Tomas aconteceu minutos após o primeiro, dessa vez, em uma distribuidora de bebidas situada na Avenida Pedro Manvailler, no coração da cidade em Amambai.

Segundo as vítimas, que reconheceu o acusado a exemplo da vítima anterior, Tomas, aparentemente agindo sozinho, teria adentrado na distribuidora de bebida, sacado a arma engatilhado e encostado na cabeça da balconista, anunciando o assalto, posteriormente fugiu do local levando R$ 132,00 em dinheiro.

A Prisão- A prisão do acusado aconteceu momentos após o segundo assalto.
Segundo a Polícia Militar ao tomar conhecimento das duas ações criminosas e de posse das características dos acusados, uma guarnição acabou se deparando com Tomas, até então figurando como suspeito, na região central da cidade em Amambai, porém ao notar a presença da polícia, o assaltante acabou efetuando disparos contra os policiais.

Ouve troca de tiros e o acusado tentou fugir em direção a uma faculdade onde se aglomerava um grande número de pessoas. Os policiais saíram em perseguição e ao se ver cercado, o marginal acabou invadindo uma residência situada na região da Vila Varocopa e acabou preso.

Outras Ações- Pelo menos outros dois assaltos a mão armada registrados na cidade nos últimos dias estão sento atribuídos ao paraguaio preso, o assalto a um sargento aposentado da Polícia Militar ocorrido na região da Vila Jardim Panorama e outro assalto a um posto de combustível situado no centro da cidade em Amambai na noite desse domingo, 25.

No caso do assalto ao posto, a vítima reconheceu o marginal e a arma utilizada para praticar a ação criminosa, um revólver calibre 32, o mesmo utilizado para efetuar os assaltos dessa terça-feira à noite. Ao ser apreendida a arma estava com cinco munições no tambor, quatro deflagradas por conta dos disparos efetuados contra a guarnição PM e uma intacta, porém com a espoleta “picada”, dando a entender que a munição teria falhado durante a tentativa de disparar.

Tomas Alberto Chaves Ortiz foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Amambai para ser autuado em flagrante por roubo, artigo 157 do Código Penal Brasileiro.




Fonte: A Gazeta News