26/03/2007 23:20

PF “quebra” esquema de tráfico após prisão em MS

A prisão de um traficante de drogas em Ponta Porã no final do ano passado desencadeou uma investigação concluída nesta segunda-feira pela Polícia Federal que “quebrou” esquema de tráfico internacional que movimentava cerca de R$ 1,5 milhão ao mês. O traficante não teve o nome relevado. Ele colaborou com a polícia e delatou envolvidos.

A Operação Curitiba desmontou um esquema de tráfico de cocaína que trazia a droga da Bolívia, passava por Ponta Porã ou Foz do Iguaçu e despachava a droga para Florianópolis, revelou o delegado Ildo Gasparetto, de Porto Alegre, ao Campo Grande News. Lá funcionava o laboratório onde eram refinados cerca de 100 quilos por mês.

A droga refinada tinha como destinos o Rio Grande do Sul, Santa Catarina e em São Paulo. Foram presas 21 pessoas, incluindo quatro traficantes paraguaios, incluindo o que contribuiu com a investigação. Foram apreendidos 34 quilos de cocaína pura e 35 quilos de produtos usados para o refino da droga, que poderiam gerar 350 quilos da droga para consumo, segundo divulgou a Agência Brasil.

“Os criminosos serão indiciados por tráfico internacional de drogas, formação de quadrilha e associação para o crime. Estarão sujeitos a penas que variam de 35 a 55 anos de prisão”, disse o superintende da PF no RS, Francisco Mallmann. As detenções foram feitas nas cidades gaúchas de Gravataí, Lajeado, Charqueadas, Alvorada e Porto Alegre.

Fonte: Campo Grandenews