23.4 C
Amambai
terça-feira, 16 de abril de 2024

Escolinha de Futebol Wilfrido Colman transforma vidas e contribui com a educação em Amambai

No município de Amambai, um projeto voluntário tem se destacado por sua capacidade de transformar a vida de crianças e adolescentes: a Escolinha de Futebol Wilfrido Colman, uma iniciativa inspiradora, liderada por Ramona Aparecida Fernandes Colman, moradora da Vila Cristina.

O nome da escolinha é uma homenagem ao pai de Ramona, Wilfrido Colman, que já mantinha uma escolinha de futebol na cidade de Coronel Sapucaia. Inspirada pela história de seu pai e impulsionada pelo desejo de causar um impacto positivo na comunidade, Ramona deu início à escolinha na Vila Cristina em 2022, visando resgatar crianças e adolescentes que enfrentavam caminhos desafiadores.

Escolinha de Futebol Wilfrido Colman transforma vidas e contribui com a educação em Amambai

Em um cenário marcado por dificuldades financeiras e famílias desestruturadas, a Escolinha de Futebol vai além dos campos e quadras esportivas. Ramona destaca que, diariamente, o projeto está salvando vidas. Para participar, os alunos precisam manter frequência e bom desempenho escolar, sendo incentivados não apenas a se destacar no esporte, mas também nas salas de aula.

 Além das atividades esportivas, eles recebem palestras e conversas com psicólogas e profissionais da saúde. O projeto também conta com o trabalho voluntário das professoras de Educação Física, Ludmila Acosta Silva e Johana Alencar.

Os encontros ocorrem todas as terças e sextas, divididos entre a manhã e a tarde, para acomodar os horários escolares dos participantes. Graças ao apoio do comércio local, especialmente da Padaria Nossa Senhora Aparecida, todos os envolvidos recebem lanches durante as atividades.

Desde seu início em 2022, com cinco participantes, a Escolinha de Futebol Wilfrido Colman cresceu para 50 crianças e adolescentes moradores das vilas Flor, Cristina, Planalto, Pôr do Sol, Cassiano Marcelo e Doriana. Os resultados são evidentes, com melhorias significativas no rendimento escolar a cada bimestre.

Ramona, juntamente com as professoras, assume um papel crucial na vida desses jovens, oferecendo não apenas treinamento esportivo, mas também suporte emocional. Elas se tornam figuras maternas, proporcionando um ambiente onde os participantes se sentem amados, acolhidos e capazes de conquistar seus sonhos.

A equipe de reportagem da Gazeta Educação acompanhou uma aula do projeto, testemunhando o carinho e a seriedade com que as professoras lidam com as crianças e adolescentes. Essa abordagem faz toda a diferença, mostrando aos participantes que o esforço, a dedicação e a união podem abrir caminhos para um futuro brilhante.

O projeto é completamente voluntário e não possui convênios com o poder público, dependendo de doações e apoios. Ramona ressalta a importância de ajuda financeira e convida aqueles interessados a entrar em contato pelo telefone 67 99351-0773. Toda forma de contribuição é bem-vinda, garantindo que o projeto continue a impactar positivamente a vida desses jovens, mesmo em momentos de dificuldade financeira.

Por: Raquel Fernandes

Leia também

Edição Digital

Jornal A Gazeta – Edição de 16 de abril de 2024

Clique aqui para acessar a edição digital do Jornal...

As Mais Lidas

Casal é preso acusado de matar e decapitar jovem indígena em Amambai

Vilson Nascimento Por meio de um trabalho rápido e eficiente...

Homem e mulher tem veículo alvejado por disparos em Amambai

Vilson Nascimento A Polícia Civil está apurando uma tentativa de...

Cenoura, batata, banana, laranja ficaram mais caras em janeiro

A cenoura, batata inglesa, banana e laranja ficaram mais...

Portuguesa vence Náutico por 2 a 0 diante da torcida

Vitória do time rubro-verde de Mato Grosso do Sul!...

Algodão: Brasil sustenta posição de destaque

No cenário global do mercado de algodão em pluma,...

Enquete