23.4 C
Amambai
terça-feira, 16 de abril de 2024

Aldeia Paraguassu, em Paranhos, recebe governo estadual em ação que pode atender seis mil pessoas

Acesso a documentos, benefícios do INSS e cartoriais, além de atendimento médico, são benefícios oferecidos; prefeitura é parceira

Com o segundo maior percentual de população de povos originários de Mato Grosso do Sul (43,38% – Fonte: IBGE), o município de Paranhos recebe neste fim de semana, na Aldeia Paraguassu, a 3ª edição do Programa MS em Ação: Segurança e Cidadania, que irá ofertar serviços essenciais a mais de 6 mil indígenas que vivem no município e região.

No sábado e domingo, dias 2 e 3 de março, os povos originários que vivem no município poderão ter acesso gratuito a documentos pessoais como Carteira de Identidade, CPF, título de eleitor e carteira de trabalho, bem como solicitar benefícios junto ao INSS, casar ou divorciar, passar por atendimentos na defensoria pública, por consultas médicas com clínicos gerais e especialistas, com dentistas e receber orientações da correta escovação e higiene bucal.

A estrutura montada pelo Governo do Estado na Aldeia Paraguassu contará ainda com cursos de capacitação, entre eles de acabamento de obras, exposições de materiais e aeronave, filmes que mostram a cultura indígena e brinquedos para as crianças brincarem enquanto os pais recebem atendimento.

Como o intuito é, além de levar cidadania, aproximar as comunidades remotas e de difícil acesso da segurança pública, a Polícia Civil, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar estarão realizando seus atendimentos no interior da Aldeia Paraguassu, durante a 3ª edição do MS em Ação: Segurança e Cidadania, em Paranhos. E, será possível confeccionar boletins de ocorrência, denunciar crimes e receber orientações quanto a prevenção de acidentes domésticos, por exemplo.

Dentro da programação do evento estão previstas ainda palestras com foco no combate à violência doméstica contra mulheres e crianças, com as equipes do Promuse e da Deam (Delegacia de Atendimento à Mulher) de Campo Grande e, ainda, de prevenção ao uso de álcool e drogas, que serão ministradas pelas equipes do Proerd (Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência).

Esta é a 3ª ação que o Governo do Estado realiza, por meio da Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública) e da SEC (Secretaria de Estado da Cidadania), com o apoio da Prefeitura, da Funai e Sesai e a previsão é atender mais de 6 mil pessoas. Juntas, as edições anteriores, realizadas em Dourados e Amambai, somam mais de 15 mil indígenas atendidos.

Programa Estratégico

O MS em Ação: Segurança e Cidadania foi oficializado este ano como ação estratégica da Sejusp, por meio de publicação de resolução no DOE (Diário Oficial do Estado), no dia 24 de janeiro. Oficialmente, o Programa, consiste em levar as comunidades remotas, de difícil acesso e territórios vulneráveis de Mato Grosso do Sul, serviços públicos essenciais, aproximar as comunidades atendidas dos profissionais de segurança pública, ampliando assim a capacidade de resolução de problemas e conflitos, bem como prevenindo a ocorrência de crimes.

Parceiros

São parceiros do Governo do Estado na realização do MS em Ação: Segurança e Cidadania, além de Prefeitura de Paranhos, Secretaria de Estado de Saúde, Coordenadoria Estadual de Polícia Comunitária, Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, Defensoria Pública Estadual, TRE (Tribunal Regional Eleitoral), Sindicato Rural de Paranhos, Adepol (Associação dos Delegados de Mato Grosso do Sul), ABO/MS (Associação Brasileira de Odontologia), Fareff (Faculdade Referencial de Odontologia), Receita Federal, INSS, Sesc, Senai, Senac, Senar, Fundesporte, Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, Polícia Civil, Polícia Militar, Polícia Rodoviária Federal, Corpo de Bombeiros Militar, Fecomércio, Instituto de Identificação, Câmara de Vereadores de Paranhos, Secretarias Municipal de Saúde e de Educação de Paranhos, Funtrab, Coordeandoria-Geral de Policiamento Aéreo da Sejusp.

Leia também

Edição Digital

Jornal A Gazeta – Edição de 16 de abril de 2024

Clique aqui para acessar a edição digital do Jornal...

As Mais Lidas

Casal é preso acusado de matar e decapitar jovem indígena em Amambai

Vilson Nascimento Por meio de um trabalho rápido e eficiente...

Homem e mulher tem veículo alvejado por disparos em Amambai

Vilson Nascimento A Polícia Civil está apurando uma tentativa de...

Cenoura, batata, banana, laranja ficaram mais caras em janeiro

A cenoura, batata inglesa, banana e laranja ficaram mais...

Portuguesa vence Náutico por 2 a 0 diante da torcida

Vitória do time rubro-verde de Mato Grosso do Sul!...

Algodão: Brasil sustenta posição de destaque

No cenário global do mercado de algodão em pluma,...

Enquete