Gazeta de Amambaí


Sábado, 14 de Julho de 2018 às 22:27

Índio morre atropelado em rodovia, em Amambai

Jovem de 24 anos foi atingido por caminhonete da SESAI, posteriormente por outro carro. Clima ficou tenso no local.

Clique na Imagem para ampliá-la

Nas fotos o local do acidente, os veículos envolvidos e o trabalho da PRE e do Corpo de Bombeiros. (Fotos: Vilson Nascimento)

Vilson Nascimento

O indígena Ilson da Silva, de 24 anos, morador na aldeia Limão Verde, morreu na hora após ser atropelado por duas vezes seguidas, na noite desse sábado, dia 14 de julho, em Amambai.

O acidente aconteceu na Rodovia MS-156, que liga Amambai a Tacuru, no trecho que corta a reserva indígena, distante cerca de quatro quilômetros da cidade.

Segundo a Polícia Militar Rodoviária Estadual (PRE) da base operacional de Amambai, que atendeu a ocorrência, ao atravessar a pista primeiramente Ilson da Silva foi atingido por uma caminhonete S-10, cor branca, placas de Campo Grande-MS, a serviço da SESAI (Secretaria de Especial da Saúde Indígena), que se deslocava no sentido Tacuru a Amambai.

Com o impacto o jovem guarani-kaiowá acabou sendo lançado para a outra mão da via e também acabou atropelado por um veículo Vectra cor vermelha, placas de Amambai-MS, que se deslocava no sentido Amambai a Tacuru.

O Corpo de Bombeiros chegou a ser acionado, mas quando chegou ao local Ilson já estava morto.

Segundo o motorista da S-10, que havia saído de Paranhos para abastecer com diesel S10 em Amambai, o indígena teria surgido repentinamente na frente da caminhonete.

Já o condutor do Vectra informou que, devido a rapidez do ocorrido, foi impossível evitar o atropelamento do rapaz, que foi lançado na frente de seu veículo ao ser atingido pela caminhonete.

Clima tenso no local

Após o acidente o clima ficou extremamente tenso no local. A pista foi bloqueada pelos indígenas, que ficaram revoltados com a morte do “patrício” e a PRE teve que agir rápido para preservar os motoristas envolvidos.

Sob ameaças, inclusive contra os policiais, com apoio da guarnição do Corpo de Bombeiros, a PRE conseguiu retirar do local os condutores dos dois veículos e inclusive os demais ocupantes do Vectra, para garantir assim a integridade física dos ocupantes.

Os motoristas, bem como os veículos, foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil, em Amambai, que vai instaurar procedimento para apurar as circunstâncias do acidente.

Fonte: A Gazeta News

Veja mais fotos:

COMPARTILHE

IMPRIMIR

   
  • Mais Notícias
  • Mais Lidas
  • Mais Polícia

Copyright © A Gazeta News.
Todos os Direitos Reservados.
Todas as matérias poderão ser reproduzidas desde que citada a fonte.