Gazeta de Amambaí


Segunda-Feira, 18 de Dezembro de 2017 às 20:57

SIG apresenta balanço de ações em 2017 em Amambai

Trabalho da equipe de investigação elucidou crimes, apreendeu drogas, localizou pessoas desaparecidas e cumpriu mandados de prisão.

Vilson Nascimento

O SIG (Setor de Investigação Geral) da Delegacia de Polícia Civil de Amambai divulgou semana, a estatística dos trabalhos realizados em 2017.

Durante dos onze meses e meio de 2017, o SIG elucidou 120 casos de furtos, ações que resultaram na prisão ou indiciamento de 80 pessoas e na apreensão de 8 menores.

Por meio do trabalho de investigação em 2017 os policiais lotados no SIG, trabalhando sob coordenação dos delegados, Dr. Mikaill Alessandro Gouveia Faria e Fabrício Dias dos Santos, também apreenderam 780 quilos de maconha, 187 pedras de crack e levaram para a cadeia 8 traficantes, boa parte deles por manter “bocas de fumo”, atividade criminosa que dissemina o uso de drogas, sobretudo entre a juventude e fomenta crimes que vão desde os pequenos furtos até assaltos a mão marmada, delitos praticados por usuários com o intuito de angariar dinheiro ou objetos para trocar por drogas.

O trabalho de investigação dos agentes do SIG também resultou na apreensão de 12 carros de passeio e uma carreta bitrem, na elucidação de 8 casos de receptação de produtos furtados com 12 pessoas indiciadas, no estouro de 5 pontos de venda de drogas, as chamadas “boca de fumo” e na abordagem de 255 pessoas suspeitas.

O Setor de Investigação Geral da Delegacia de Polícia Civil de Amambai também atuou no âmbito de 2017 em 5 casos de pessoas desaparecidas e em todos eles obteve sucesso em localizar os desaparecidos.

No decorrer de 2017 o SIG também identificou e encaminhou para as providências cabíveis uma pessoa por homicídio culposo, levou aos setores competentes dois casos de condução de veículo sem a CNH (Carteira Nacional de Habilitação) e cumpriu 18 mandados de prisão, ou seja, localizou e mandou para a cadeia, 18 pessoas procuradas pela Justiça.

Os investigadores também atenderam em 2017 a 8 casos de violência doméstica, realizaram a intimação de 53 pessoas e realizaram 16 escoltas de presos para audiência de custódia junto ao Poder Judiciário.

De acordo com a coordenação do setor, atualmente os policiais lotados no SIG em Amambai estão com 152 procedimentos de investigação em andamento em várias áreas, boa pare deles já em ponto de elucidação.

Fonte: A Gazeta News

COMPARTILHE

IMPRIMIR

   
  • Mais Notícias
  • Mais Lidas
  • Mais Polícia

Copyright © A Gazeta News.
Todos os Direitos Reservados.
Todas as matérias poderão ser reproduzidas desde que citada a fonte.