Gazeta de Amambaí


Sexta-Feira, 24 de Agosto de 2018 às 04:08

China registra caso de gripe aviária em humano

A recomendação,é para que o público dê mais atenção aos hábitos de higiene pessoal, alimentar e ambiental,

O Centro de Proteção à Saúde de Hong Kong revelou que um homem de 42 nos de idade, de Guanxi na China, foi infectado pelo vírus H5N6 da gripe aviária (AI) depois de manipular aves domésticas. O homem começou a sentir sintomas como febre e problemas respiratórios no dia 10 de agosto e teve que ser internado cinco dias depois.

De acordo com o Centro de Proteção à Saúde, o cidadão chinês manteve contato com aves vivas antes do início dos sintomas, o que manteve a desconfiança sobre o tipo de doença que havia o atingido. A recomendação, agora, é para que o público comece a dar mais atenção aos seus hábitos de higiene pessoal, alimentar e ambiental, tanto na sua cidade quanto para quem for viajar para Guanxi, que está em estado de alerta.

Além disso, a China está recomendando os cidadãos que saírem de suas cidades natais para que não frequentem mercados de alimentos “molhados”, aves vivas ou granjas de produção de ovos ou de frangos. Outra recomendação é que evitem até casas que possuem algum tipo de ave no quintal.

Aos viajantes que retornam a China, de outros países, precisam passar por uma triagem com um médico especializado para relatar todo o seu roteiro de viajem e identificar se teve contato com aves durante o processo, principalmente galináceos. Para os que registrarem algum sintoma de AI, deverão ser encaminhados imediatamente ao hospital mais próximo.

O último surto de gripe aviária H5N6 que ocorreu na China foi no ano de 2014 e, de lá para cá, 20 casos da doença foram registrados no país. A Organização Mundial da Saúde (OMS), já começou a fazer movimentações para tentar encerrar o caso antes que se espalhe.  

Fonte: Agrolink

COMPARTILHE

IMPRIMIR

   
  • Mais Notícias
  • Mais Lidas
  • Mais Internacional

Copyright © A Gazeta News.
Todos os Direitos Reservados.
Todas as matérias poderão ser reproduzidas desde que citada a fonte.