Gazeta de Amambaí


Terça-Feira, 25 de Abril de 2017 às 06:05

Acordo Mercosul-UE pode entrar em vigor no começo de 2019, diz embaixador

Negociações devem ganhar os contornos finais por volta de outubro, segundo o português João Cravinho.

O acordo de livre comércio entre Mercosul e União Europeia pode entrar em vigor no início de 2019, disse nesta segunda-feira (24) o embaixador da UE no Brasil, o português João Cravinho.

"Vejo um calendário em que o acordo pode ser concluído neste ano, ratificado por autoridades governamentais em 2018 para entrar em vigor no início de 2019", disse Cravinho a jornalistas às margens do I Fórum Espanha Brasil.

De acordo com o embaixador, as negociações devem ganhar os contornos finais por volta de outubro. Para Cravinho, é provável que algumas questões mais sensíveis nas negociações, como a abertura de mercados europeus para o agronegócio da América Latina, com a contrapartida de mais facilidade para produtos de serviços no mercado latino-americano, tenda a ser resolvido por autoridades de mais alto escalão, antes de o acordo ser selado.

Presente no mesmo evento, o ex-presidente brasileiro Fernando Henrique Cardoso disse a jornalistas que o temor de que a China se aproprie de crescentes fatias de negócios na América Latina tende a apressar as negociações de europeus e latinos.

"O acordo deve sair por uma questão de necessidade", disse o ex-presidente.

Mais cedo nesta segunda-feira, o presidente Michel Temer disse que o primeiro-ministro espanhol, Mariano Rajoy, prometeu ajuda da Espanha para a finalização do acordo entre o Mercosul e a União Europeia.

O bloco de países sul-americanos, composto por Brasil, Argentina, Venezuela, Paraguai e Uruguai, negocia um acordo comercial com o bloco de países europeus. Para entrar em vigor, porém, as duas partes precisam apresentar suas propostas.

Fonte: G 1

COMPARTILHE

IMPRIMIR

   
  • Mais Notícias
  • Mais Lidas
  • Mais Internacional

Copyright © A Gazeta News.
Todos os Direitos Reservados.
Todas as matérias poderão ser reproduzidas desde que citada a fonte.