Gazeta de Amambaí


Terça-Feira, 17 de Julho de 2007 às 20:29

Avião da TAM estava com 175 pessoas abordo

Um avião da TAM que transportava 175 pessoas sofreu um acidente quando pousava em Congonhas na noite desta terça. A aeronave, um airbus A320, derrapou na pista, atravessou a avenida Washington Luiz e se chocou contra um posto de combustíveis de bandeira Shell e um depósito de cargas da própria TAM. O acidente causou um grande incêndio, e o fogo consome neste momento o depósito, que fica na rua Otávio Tarquino de Souza, perto do aeroporto. O prédio corre risco de desabamentoe a Eletropaulo cortou o fornecimento de energia da região.

O vôo JJ 3054 vinha de Porto Alegre, de onde decolou às 17h16. Ainda não há um balanço oficial sobre o número de vítimas. Segundo a Globonews, o Corpo de Bombeiros confirma a existência de um morto. Entre os feridos, há duas vítimas identificadas, ambas atendidas no Hospital Alvorada, em Moema: Eduardo Silva Teixeira, de 35 anos, é funcionário da TAM, estava no prédio atingido e foi atendido com abalo emocional. A segunda vítima atendida pelo hospital é Lilian Souza, de 22 anos, com escoriações leves. De acordo com a assessoria de imprensa, o hospital reforçou sua equipe de plantão para atender novos feridos.

A TAM confirmou que a aeronave transportava 175 pessoas - 155 passageiros, seis tripulantes e 14 funcionários. Mas não consegue ainda determinar a extensão dos danos, nem a existência de vítimas. A empresa informa que disponibilizou um número de chamadas gratuitas para atender aos familiares dos passageiros e tripulantes deste vôo: 0800 117900. O número, no entanto, não dá conta da demanda.

Uma funcionária da TAM Express que estava no local - e pede para não ser identificada - diz que ouviu um forte estrondo quando a aeronave se chocou contra o prédio, mas demorou para entender o que estava acontecendo. Ela diz ainda que os funcionários da empresa foram proibidos de dar entrevistas.

O aeroporto de Congonhas está fechado para pousos e decolagens desde as 18h45, e os vôos estão sendo redirecionados para Cumbica.

Pelo menos 20 equipes do Corpo de Bombeiros trabalham para controlar o incêndio, dezesseis ambulâncias e um veículo do Instituto Médico Legal (IML) estão no local . Segundo informações preliminares, cinco funcionários da TAM estariam presos dentro de um elevador do depósito da companhia aérea.

De acordo com Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), a avenida Washington Luis está interditada nos dois sentidos na altura da rua Otávio Tarquino de Souza. A avenida 23 de Maio também está fechada. A interdição causa cerca de cinco quilômetros de congestionamento no local.

O presidente Lula convocou uma reunião com os ministros Franklin Martins, Walfrido Mares Guia e Dilma Roussef para discutir o assunto.

Ontem, outro avião derrapou após pousar na recém reformada pista principal do aeroporto, o que causou a suspensão das operações em Congonhas. O avião parou de bico na área de grama.

Fonte: UOL

COMPARTILHE

IMPRIMIR

   
  • Mais Notícias
  • Mais Lidas
  • Mais Geral

Copyright © A Gazeta News.
Todos os Direitos Reservados.
Todas as matérias poderão ser reproduzidas desde que citada a fonte.