Gazeta de Amambaí


Sábado, 03 de Fevereiro de 2018 às 11:45

Torneio homenageou jogador Fernando Pavão em Amambai

Jogador de Paranhos, que atuou na base do Atlético-MG e no Estado defendeu clubes como o CENE, Sete de Dourados, Ubiratan e o Itaporã, morreu vitima de acidente em dezembro.

Clique na Imagem para ampliá-la

O CAA foi o campeão do torneio em homenagem ao jogador Fernando Pavão na noite dessa sexta em Amambai. (Fotos: Vilson Nascimento)

Vilson Nascimento

Um torneio triangular realizado na noite dessa sexta-feira, 2 de fevereiro, na Chácara Santa Rosa, em Amambai, homenageou o jogador de futebol Fernando Pavão.

Pavão que atuou na base do Atlético-MG e em Mato Grosso do Sul defendeu clubes como o CENE, Sete de Dourados, Ubiratan e o Itaporã, morreu vítima de acidente de trânsito em dezembro do ano passado quando voltava para casa, em Paranhos, após participar de uma confraternização de família em Amambai.

Além de Pavão, estavam no carro seus dois irmãos, Raphael Pavão, que também é jogador profissional, Carlos Pavão, o “Carlão”, que dirigia o veículo e um amigo da família.

Carlão, que nunca pôs uma gota de álcool na boca, teve que passar por cirurgia e ainda se recupera do acidente. Já Raphael, o “Limão”, como é conhecido entre os amigos, está bem, mas por conta da fatalidade, teve que dar uma pausa na carreira profissional.

Fernando Pavão, que tinha histórico positivo junto ao futebol profissional Sul-mato-grossense, foi homenageado por vários clubes do Estado, entre eles o Sete de Dourados, clube que defendeu no estadual do ano passado e inclusive pelo Sport, de Recife.

Foi de Pavão o único gol do CENE de Campo Grande na derrota por 4x1 no jogo de volta pela Copa do Brasil em 2015 na Ilha do Retiro diante do time do goleiro Magrão e do meia Diego Souza (hoje no São Paulo).

O Torneio

O torneio dessa sexta-feira (2) reuniu três equipes que Pavão defendeu em competições de futebol suíço regional, o Desportivo Pavão, time tradicional de Paranhos formado pelos integrantes de família e amigos da família Pavão, o MOOCA, de Ponta Porã e o CAA (Clube Atlético Amambaiense), de Amambai.

Outra equipe que estava prevista para participar da homenagem ao jogador era o Sport Capitan Bado, da cidade paraguaia de Capitan Bado, mas por problemas de última hora não pode comparecer.

Sem a presença do time paraguaio, o torneio foi disputado em triangular, no sistema de todos contra todos.

Desportivo Pavão e MOCAA empataram em 2x2 na abertura, o CAA venceu o Desportivo Pavão por 4x2 e MOCCA e CAA empataram em 1x1, garantindo o título do torneio para o time amambaiense.

O artilheiro foi o jogador Juliano Holsbach, de 20 anos. Ele que foi o artilheiro do Campeonato Paulista Sub-20 em 2017 com 13 gols e artilheiro de seu time, o Flamengo de Guarulhos, na Copa São Paulo de Futebol Júniores 2018 com três gols em três jogos disputados, marcou os cinco gols do CAA no “Torneio Fernando Pavão”, na noite dessa sexta.

Juliano está passando férias com a família em Amambai e no dia 15 retorna a São Paulo onde se reapresenta a seu clube.

Fonte: A Gazeta News

Veja mais fotos:

COMPARTILHE

IMPRIMIR

   
  • Mais Notícias
  • Mais Lidas
  • Mais Esporte

Copyright © A Gazeta News.
Todos os Direitos Reservados.
Todas as matérias poderão ser reproduzidas desde que citada a fonte.